leaderboard.gif

Mission Impossible 2 🎬

S/S Benfica 2012/13 Home


(Nota: este texto foi escrito integralmente na véspera do jogo no Dragão)


Quem me conhece, sabe que eu nutro algum carinho por superstições, macumbas, coincidências ou curiosidades (escolham o termo que acharem mais adequado), algumas delas relacionadas com números. Além dos básicos a fazer em dias de jogo (como "fazer a barba", "envergar a peça de roupa x" ou "comer melão para jogar com as probabilidades"), muitas vezes meti eu 35 litros de gasóleo, saí do trabalho às 18:36 e, de há dois anos para cá, tenho o despertador a tocar às 06:37. Tudo porque não pretendo deixar em mãos alheias tudo o que eu posso fazer pelo Benfica!


No entanto e parafraseando Dr. Nekhorvich da Missão Impossível II, "every search for a hero must begin with something every hero needs, a villain", a insanidade leva-me a construir contra-macumbas, ou por outras palavras, fazer exactamente o mesmo em situações que correram mal para se fazer o chamado "matar o borrego". Pode parecer estranho, bipolar ou simplesmente estúpido, mas só em situações muito particulares é que eu faço isto. Não sou nenhum anormal.


E a escolha da camisola para este artigo, feita em vésperas da ida ao Dragão, é precisamente um exemplo de um casamento antagónico macumba/contra-macumba: apresento-vos a minha camisola nº 37 - a camisola usada no jogo do Kelvin.